Saltar para conteudo Mapa do site
Susanne Kennedy

Angela (A Strange Loop) | ESTREIA NACIONAL

Teatro

20 de março 2024
21h30

Teatro Aveirense

Bilheteira

Informações: info-teatroaveirense@cm-aveiro.pt | https://www.teatroaveirense.pt/pt/
Telefone: 234400920
Horário da bilheteira TA:
Ter a sáb 13h30-18h30
Dias de Espetáculo: Abre 1h antes do início do mesmo

Entrada: 10€

Angela (A Strange Loop) |  ESTREIA NACIONAL

Teatro

20 de março 2024
21h30

Teatro Aveirense

Bilheteira

Informações: info-teatroaveirense@cm-aveiro.pt | https://www.teatroaveirense.pt/pt/
Telefone: 234400920
Horário da bilheteira TA:
Ter a sáb 13h30-18h30
Dias de Espetáculo: Abre 1h antes do início do mesmo

Entrada: 10€

Ficha técnica do evento

Conceção, texto e direção: Susanne Kennedy
Conceção e design de palco: Markus Selg
Intérpretes: Diamanda La Berge Dramm, Ixchel Mendoza Hernández, Kate Strong, Tarren Johnson, Dominic Santia
Dramaturgia: Helena Eckert
Desenho de luz: Rainer Casper
Sonoplastia: Richard Alexander
Banda Sonora: Diamanda Dramm, Richard Alexander
Música ao vivo: Diamanda Dramm
Vídeo: Rodrik Biersteker, Markus Selg
Figurinos: Andra Dumitrascu
Colaboração artística e direção de digressão: Friederike Kötter
Produção: Ultraworld Productions
Gestão e Distribuição: Something Great
Coprodução: Wiener Festwochen (Viena), Festival d’Automne à Paris & Odéon - Théâtre de l’Europe (Paris), Festival d’Avignon (Avignon), Holland Festival (Amsterdão), Kunstenfestivaldesarts (Bruxelas), National Theatre Drama - Prague Crossroads (Praga), Romaeuropa Festival (Roma), Teatro Nacional de São João (Porto) and Volksbühne am Rosa-Luxemburg-Platz (Berlim).

Sinopse do evento

A vida de uma mulher desde o nascimento até à morte e para além disso. Acompanhamos Angela em situações quotidianas, tanto na doença como na cura, na vigília e no sono, no nascimento e no parto, no envelhecimento e na morte. O que faz de Angela a Angela? Angela é construída de milhões de experiências. Parte disso é um feedback direto do que as pessoas lhe dizem. Em suma, Angela é um loop estranho. Texto e encenação de Susanne Kennedy, uma das mais notáveis vozes da sua geração.